Busca avançada no google

Em 2008 o google chegou definitivamente para dominar o mercado de busca e diversos outros mercados. Ele foi se destacando pela a qualidade que entrega o resultado para o usuário e pela velocidade de indexação dos sites na web. Com o passar do tempo, o google, foi cada vez mais aperfeiçoando o seu algortimo de busca e começou a entregar diversos resultados ao usuários como: buscas locais, shopping, noticias e entre outros.

Com isso, para quem trabalha com otimização de sites, criação de sites ou qualquer serviço relacionado com a internet, é necessário fazer buscas avançadas no google para obter informações do site que estamos trabalhando ou de sites de concorrentes, para obter um resultado mais refinado sem a utilização de qualquer outro tipo de ferramenta.

1° Busca avançada com operador site.

Descrição:
Limita uma busca a domínios e diretórios específicos.

Você pode utilizar para obter informações como:
- Mostra aproximadamente quantas URLs são indexada pelo o google
- A partir de um diretório
- Inclui todos subdomínios

Exemplos:
Mostra aproximadamente quantas urls são indexadas pelo google – site:www.pabloribeiro.net
A partir de um diretório – site:www.pabloribeiro.net/seo
Inclui todos os subdomínios – site:google.com.br
Mostra sites de um domínio superior específico – site:org

2° Busca avançada com operador allinul:

Descrição:
Busca restrita à palavra-chave no título

Você pode utilizar para obter informações como:
Encontrar páginas na internet que tenham a sua palavra-chave na url.

Exemplos:
inurl:seo, inurl:empresa seo

3° Busca avançada no google com operador intitle:

Descrição:

Restringe resultados a documentos que contenham os termos de busca no título da página.

Você pode utilizar para obter informações como:
Encontrar páginas na internet que usem sua palavra-chave no título da página

Exemplos:
intitle:seo
intitle:empresa de seo

4° Busca avançada com operador inanchor:

Descrição:
Busca restrita à palavra-chave do texto-âncora

Você pode utilizar para obter informações como:
Encontra páginas que contenham o maior número de links de retorno ou os links de retorno mais ‘poderoso’ com a palavra-chave do texto-âncora

Exemplos:
inanchor:seo
inanchor:criação de sites

5° Busca avançada no google com operador intext:

Descrição:
Busca restrita à palavra-chave do corpo do texto

Você pode utilizar para obter informações como:
Encontra páginas que contenham o corpo do texto mais relevante / mais otimizado.

Exemplos:
intext:seo

6° Busca avançada no google com operador ext / filetype:

Descrição:
Limita os resultados de busca às páginas que terminam com uma determinada extensão de arquivo.

Você pode utilizar para obter informações como:
Alguns possíveis tipos de arquivos / extensões: PDF(Adobe Portable Document Format), html ou html( Hypertext Markup Language).

Exemplos:
filetype:pdf ou ext:pdf

7° Busca avançada no google com operador cache

Descrição:
Ver como era a página quando o google indexou.

Você pode utilizar para obter informações como:
Descobre se a página foi indexada pelo o google; fornece links para mais informações sobre a url. Essa busca também pode alertá-lo para possíveis problema do site (conteúdo duplicado ou possíveis problema de dns).

Exemplos:
cache:www.pabloribeiro.net

Esses tipos de buscas são muito importante, não só para quem trabalha com seo, mas para desenvolvimento de sistemas web. Algumas invasões a sistemas onlines são feitas através das buscas avanças, como por exemplo: filetype:.sql, esse comando irá retornar todos os bancos de dados com a extensão sql acessíveis pelo google.

2 thoughts on “Busca avançada no google

  1. Se as grandes empresas já se armaram com inúmeros softwares para obter mais informações e gerenciar estas informações, eu, com o meu pequeno e-commerce, tenho alternativas?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>